• Cuiabá, 19 de Julho - 00:00:00

Exploda a ponte


Rodrigo Furlanetti

A expressão explodir a ponte é uma metáfora interessante que representa um dilema entre um decisão assertiva ou covardia.

Explodir uma ponte pode denotar uma decisão irreversível, com a quebra de laços com o passado.

É necessário atentar as consequências desta decisão, visto que exige convicção plena da escolha feita.

Por outro lado, muitos acabam por "ficar em cima da ponte", denotando medo de lidar com as consequências da decisão, e dificuldade com o passado e incerteza quanto ao futuro.

Registre-se que, a clareza dos objetivos na mente, é fator preponderante que dará sustentação de uma boa decisão.

Ato continuo, estar claro os efeitos imediatos de tal ação, sejam positivas ou negativas, e estar preparado para elas.

É muito interessante que para tomar uma decisão importante, é necessário ter autoconfiança para encarar os desdobramentos disso.

Porém, o mais estranho é que muitos preferem ficar em cima da ponte, do que serem autênticos e corajosos em suas posições.

Este texto vem trazer a reflexão, que em vários momentos da vida, precisamos ter autoconfiança e sermos assertivos e audaciosos em nossas decisões, e sentarmos na cadeira da coragem.

Ou, se escolhermos sentar na cadeira da covardia e do medo, vamos sentar em cima da ponte, e provar os efeitos da inércia.

Do exposto, têm momentos na vida que precisamos ser valentes, e fecharmos ciclos da vida que já não fazem mais sentido, explodindo a ponte.


Rodrigo Furlanetti é Advogado Empresarial e Coach.




Deixe um comentário

Campos obrigatórios são marcados com *

Nome:
Email:
Comentário: