• Cuiabá, 19 de Julho - 00:00:00

Saúde de Cuiabá pede que população atualize cadastro nas unidades básicas


Da Redação

Em nota, a Secretaria de Saúde de Cuiabá "solicita às pessoas que aguardam por algum procedimento pelo Sistema Único de Saúde (SUS) que realizem a atualização cadastral, priorizando os números de contato por telefone".

Segundo a gestão, "esta atualização deve ser feita na unidade básica de saúde mais próxima da residência do usuário ou presencialmente na sede da Central de Regulação".

No comunicado, reforça:

O objetivo desta atualização é aprimorar a comunicação entre a Central de Regulação e os usuários, permitindo assim que sejam contemplados nas próximas ações e iniciativas planejadas pela SMS. Com essa medida, espera-se reduzir o número de pacientes que ainda aguardam por atendimento na fila da Central de Regulação por dificuldade de ser contatado.

Um dos grandes problemas enfrentados pela Regulação é o absenteísmo elevado. Muitas pessoas que já tiveram suas solicitações autorizadas e os procedimentos agendados não comparecem devido à dificuldade da Central de Regulação em estabelecer contato com os pacientes, pois os números de telefone estavam desatualizados. A atualização dos dados de contato é, portanto, essencial para garantir que a comunicação seja eficaz e que os usuários sejam devidamente informados sobre seus agendamentos e quaisquer mudanças necessárias.

"Estamos fazendo um apelo a todos os usuários do SUS que aguardam por algum procedimento: por favor, atualizem seus dados cadastrais, especialmente seus números de telefone, na unidade básica de saúde mais próxima de sua casa. Esta ação simples pode fazer uma grande diferença na qualidade dos serviços que oferecemos. Infelizmente, muitos pacientes têm perdido suas consultas e procedimentos porque não conseguimos contatá-los. Com a atualização dos cadastros, poderemos diminuir o número de pacientes na fila da Central de Regulação e reduzir significativamente o absenteísmo. Contamos com a colaboração de todos para melhorar o atendimento e a saúde de nossa comunidade", disse o secretário adjunto de Atenção Hospitalar e Complexo Regulador, Paulo Rós.

 

Com Secom




Deixe um comentário

Campos obrigatórios são marcados com *

Nome:
Email:
Comentário: