• Cuiabá, 12 de Abril - 00:00:00

MORRE IVENS SCAFF - AUTORIDADES LAMENTAM


Autoridades lamentam - hoje (21), o falecimento do médico, poeta e escritor, Ivens Cuiabano Scaff, aos 72 anos. 

Nota de Pesar - Prefeitura de Cuiabá

É com profundo pesar que o prefeito de Cuiabá, Emanuel Pinheiro e a primeira-dama Márcia Pinheiro, receberam a triste notícia do falecimento do médico, poeta e escritor, Ivens Cuiabano Scaff, aos 72 anos, na madrugada desta quarta-feira (21), após complicações em um procedimento cirúrgico, em Brasília. Já por um bom tempo, o médico estava em tratamento contra um câncer no fígado. “Scaff foi uma figura marcante na nossa capital. Sempre muito atuante, ele contribuiu não apenas para a saúde pública como médico infectologista, mas também enriquecendo a cultura mato-grossense com sua poesia e literatura”, disse o prefeito.

De família cuiabana tradicional, nascido em 30 de junho de 1951, Ivens era um dos principais infectologistas do Estado e professor aposentado do Hospital Júlio Müller. Era também, desde o ano de 1994, um dos membros da Academia Mato-grossense de Letras (AML). "É provável que o velório ocorra na Academia Mato-grossense de Letras de onde Ivens era integrante há 10 anos”, diz trecho da nota emitida pela Academia.

Como membro da Academia Mato-grossense de Letras, titular da cadeira 7, ele imortalizou seus versos e pensamentos, inspirando gerações com obras como "Kyvaverá", "O amor são asas de Ícaro", "Uma maneira simples de voar" e "Mil Maneiras".

“Neste momento de dor e consternação, prestamos nossas mais sinceras condolências à família, amigos e colegas de trabalho do Dr. Ivens Scaff. Que seu legado de dedicação à medicina, à literatura e à cultura de Cuiabá perdure como fonte de inspiração e orgulho para todos nós. Sua partida deixa um vazio imensurável em nossa cidade e em nossos corações. Para sempre será lembrado como ua pessoa sensível, acolhedora e carinhosa”, finalizou a primeira-dama Márcia Pinheiro.

Nota de Pesar ALMT

O presidente da Assembleia Legislativa de Mato Grosso, deputado Eduardo Botelho, lamentou a morte do médico e escritor Ivens Cuiabano Scaff, ocorrida nesta quarta-feira (21), em Brasília.

Scaff era membro da Academia Mato-grossense de Letras, há 10 anos e faleceu em decorrência de câncer no fígado, aos 72 anos de idade.

Botelho destacou a trajetória do poeta Scaff, que deixou um grande legado para Mato Grosso, sendo referência na área de infectologia.

Scaff publicou importantes obras literárias: Mil Mangueiras; Kyvaverá; O amor são asas de Ícaro e Uma maneira simples de voar, contribuindo com estudos nos cursos de graduação e pós-graduação de diversas universidades públicas.

“Minhas sinceras condolências aos familiares e amigos pela grande perda. Rogo a Deus para dar conforto à família enlutada!”, solidariza Botelho.

Informações sobre o velório

A cuiabania aguarda o translado do corpo de Ivens Scaff, de Brasília para Cuiabá, para as últimas homenagens. As informações sobre o velório e sepultamento ainda não foram divulgados.

 

Atualizado às 13h55




Deixe um comentário

Campos obrigatórios são marcados com *

Nome:
Email:
Comentário: