• Cuiabá, 21 de Outrubro - 00:00:00

'INDIGNADO COM A SAÚDE'

Em pronunciamento nesta quinta-feira, 10, o senador Wellington Fagundes (PR) se disse indignado com a situação dos hospitais filantrópicos em Mato Grosso. Quatro unidades – a Santa Casa de Rondonópolis, o Hospital Santa Helena, a Santa Casa de Misericórdia e o Hospital Geral Universitário, em Cuiabá – tiveram que suspender o atendimento de pacientes do Sistema Único de Saúde por atraso de repasses de recursos.

Wellington Fagundes explicou aos senadores que existe um montante em atraso, segundo a Federação dos Hospitais Filantrópicos de Mato Grosso, passa de R$ 10 milhões.

De acordo com o senador, a Secretaria Estadual de Saúde informou que não tem nenhuma dívida com os hospitais e que havia autorizado um repasse emergencial durante três meses, o que totalizou R$ 7,5 milhões, para ajudar as unidades, mas que não continuará a fazer os repasses.

“Eu sempre tenho dito que governar é a arte de saber priorizar” – disse o parlamentar, ao relatar a situação. Para ele, o Governo precisa elencar prioridades “e a vida das pessoas, eu acredito, é a maior de todas”.



0 Comentários



    Ainda não há comentários.