• Cuiabá, 13 de Novembro - 00:00:00

Mauro Mendes decide ampliar equipe de transição e reforça meta de cortar gastos


Da Redação - FocoCidade

Em reunião com a equipe de transição, o governador eleito Mauro Mendes (DEM) anunciou a "ampliação" de seu grupo, por meio de novos membros que deverão respaldar o foco nas ações que visam implementar mudanças na máquina pública do Estado, leia-se redução de despesas.  

Liderados por Mendes, os subcoordenadores foram incumbidos de trazer novos membros para colaborar nos trabalhos. Por enquanto, a equipe de transição é composta pelo vice-governador eleito, Otaviano Pivetta (PDT), além de Gilberto Figueiredo, Pascoal Santullo Neto, Mauro Carvalho Junior, Francisco Serafim de Barros, Marcelo de Oliveira e Silva (Marcelo Padeiro), Margareth Busetti, Rafael Bello Bastos, Mauren Lazaretti, Adriano Silva e Salete Morockoski.

"Sabemos que o Estado está passando por uma grave situação financeira e é preciso que daqui para frente possamos equilibrar receita e despesa. Por isso a importância da comissão conseguir identificar onde poderemos fazer esses cortes de cargos e secretarias, desde que não comprometam a qualidade do serviço prestado", disse Mauro Mendes.

A redução do número de secretarias e o corte do número de comissionados são duas das principais metas da Comissão de Transmissão, ressaltou. A comissão vem trabalhando desde o mês passado e visa elaborar um diagnóstico da atual situação do Estado.

Um dos objetivos da comissão é encontrar alternativas para que diminuir o número das atuais 25 secretarias, por meio de fusões e/ou extinções de pastas, gerando economia aos cofres públicos.

"O trabalho da comissão também visa identificar toda e qualquer oportunidade de redução de despesas de custeio e alternativas para conseguir dinheiro novo. Não haverá espaço para gastos desnecessários. O momento é de economia e de usar cada centavo do dinheiro arrecadado em prol do cidadão", afirmou o governador eleito.

 

Com Assessoria