• Cuiabá, 16 de Novembro - 00:00:00

Cuiabá lança força-tarefa para zerar fila de mamografia do SUS


Da Redação - FocoCidade

A primeira-dama de Cuiabá, Márcia Pinheiro, anunciou parceria com o hospital Santa Casa de Misericórdia de Cuiabá, na segunda-feira (16) para a campanha do Outubro Rosa. 

O objetivo é instituir uma força-tarefa, entre o hospital filantrópico e a Prefeitura de Cuiabá, para zerar a fila de espera de 3,9 mil pessoas que aguardam a realização da mamografia, exame de rastreio por imagem que revela a existência de sinais precoces do câncer de mama.

“Esse é um mês importante e devemos unir forças para demonstrar a importância da prevenção porque ela é a responsável por grande parte dos casos de cura. Temos a responsabilidade de criarmos mecanismos para garantir a todas essas pessoas a oportunidade de se prevenir o mais rápido possível”, destacou Márcia.

A Prefeitura de Cuiabá, por meio da Central de Regulação da Secretaria Municipal de Saúde (SMS), irá intermediar o acesso dos pacientes que necessitam do serviço, via Sistema Único de Saúde (SUS).

Essa sistematização, segundo a coordenadora de Regulação da SMS, Lileine Lúcia da Silva, é realizada pelo sistema SISREG, por ordem cronológica, garantindo a autorização ao acesso gratuito do paciente a um local previamente indicado, nesse caso a Santa Casa de Misericórdia.

A central ainda fará toda uma triagem dos pacientes constantes na lista de espera, a partir desta quinta-feira (18), para agendar, organizar e garantir o planejamento inicial, estimado em 60 exames diários.

A Santa Casa de Misericórdia se encarregará de toda a logística e infraestrutura, além de recursos humanos para realizar, em média, 300 exames de mamografia por semana até zerar a lista de espera.

Os atendimentos começarão a partir da próxima segunda-feira (22) em dois turnos, o primeiro na parte da manhã, das 7h às 11h, e o segundo das 14h às 19h.

“Nosso objetivo é dar celeridade nessa fila que, atualmente, se encontra extensa, além de buscar a dignidade e a humanização dos serviços porque, como disse anteriormente, é uma ocasião importante e todos nós devemos trabalhar em prol da prevenção que é a nossa melhor arma contra essa mal”, disse a primeira-dama.

 

Com Assessoria