Pré-candidato ao Senado, Fávaro dissemina projeto no Vale do Araguaia - Foco Cidade
  • Cuiabá, 14 de Agosto - 00:00:00

Pré-candidato ao Senado, Fávaro dissemina projeto no Vale do Araguaia


Da Redação - FocoCidade

Presidente do PSD estadual, Carlos Fávaro, pré-candidato ao Senado, tem investido ações na região do Vale do Araguaia, uma das regiões que mais reclama atenção da gestão pública de Mato Grosso.  

“Essa região é extremamente próspera, no entanto, por uma série de razões, passou por um período de estagnação. O agronegócio foi o indutor desse crescimento, mas o Vale do Araguaia tem outras duas grandes riquezas que podem ser exploradas: o minério e o turismo. Na verdade, aqui é o ‘Vale da Prosperidade’, das oportunidades para os mato-grossenses”, afirmou em visita aos municípios da região na última semana.

Fávaro lembrou que puca gente sabe que a agricultura em Mato Grosso teve início no Vale do Araguaia. Entretanto, apesar do pioneirismo, a região acabou ficando conhecida como ‘Vale dos Esquecidos’ devido a questões políticas aliada a falta de investimentos relevantes. Frisou que há cerca de 10 anos, esse cenário começou a mudar. A agricultura tomou fôlego e força e hoje, dos 9,5 milhões de hectares de plantação de soja de todo o estado, 1,6 milhão pertence aos municípios do Vale do Araguaia.

O presidente do Sindicato Rural de Nova Xavantina e ex-presidente da Associação dos Produtores de Soja e Milho do Estado (Aprosoja), Endrigo Dalcin, ressaltou que a região tem a possibilidade de ampliar significativamente sua produção de grãos nos próximos anos. “A área de expansão pode chegar a 3,5 milhões em áreas já degradadas. Acredito que, em condições favoráveis e com investimentos em infraestrutura isso deva ocorrer nos próximos 10 anos”, destacou ele, que também é presidente do PSD no município.

Ele afirma que, além de investimentos em ferrovia e rodovias, a região também precisa da hidrovia no rio das Mortes. Dalcin lembra que em 1994 houve um carregamento experimental de 720 toneladas de soja pelo rio até o município de Xambió, no Pará, mas depois disso, nada foi feito. “Hoje, a hidrovia deveria seguir até o Porto de Bacarena, em Belém, em um trajeto de 2 mil quilômetros. Esse investimento é essencial para gerar competitividade e o desenvolvimento da região, mas até o momento o estado não se mobilizou para que isso ocorresse”.

Fávaro aponta que a implementação da Ferrovia de Integração do Centro-Oeste (Fico), além da pavimentação da BR 080 - entre Ribeirão Cascalheira e o município de Luiz Alves (SC), ligando à Ferrovia Norte-Sul - e a conclusão da BR 242 - que vai de Querência até Gaúcha do Norte – são fundamentais para a região. Segundo ele, além desses investimentos, também é preciso levar em consideração as demandas específicas de cada município.

“Enquanto cidades como Canarana, Água Boa e Nova Xavantina estão em franco desenvolvimento, outras como Araguainha e Nova Nazaré ainda precisam se fortalecer para crescer economicamente. Não podemos ter ilhas de prosperidade, e o Vale do Araguaia precisa de muito pouco perto do que gera de riqueza para o estado”, enfatizou.

O prefeito de Nova Xavantina, João Batista Vaz da Silva “Cebola” (PSD) disse que a cidade se beneficiou com a instalação de empresas e isso gerou muitos empregos, contudo, o fato de não estar recebendo repasses do governo do estado destinados à atenção básica dificulta a gestão municipal. “Hoje o estado deve ao município R$ 700 mil, sendo que esses recursos já foram repassados pelo governo federal, cabe apenas ao estado fazer essa transferência. O município sente a falta desses recursos porque junto com a vinda das empresas, vieram muitas demandas sociais nos últimos anos”.

Ele lembra o apoio que recebeu do presidente do PSD, Carlos Fávaro, na época vice-governador do estado, que foi fundamental para a reabertura da planta frigorífica do grupo Marfrig na cidade. “Fávaro interferiu e articulou para que a empresa se instalasse em Nova Xavantina e, com isso, muitos empregos foram gerados na nossa cidade”, conta.

Reuniões

Em comitiva, Fávaro visitou os municípios de Querência, Canarana, Nova Nazaré, Cocalinho, Água Boa e Nova Xavantina. O pré-candidato participou de reuniões com os líderes do PSD na região e encontrou com prefeitos, vice-prefeitos, vereadores, líderes políticos e empresariais das cidades com o intuito de discutir propostas de melhorias para o Vale do Araguaia.

“Essas discussões com a base do partido na região e com as lideranças políticas e do setor produtivo geram idéias e propostas que visam a construção de um futuro muito mais próspero para os mato-grossenses”, disse Fávaro. Também participaram das viagens o vice-prefeito de Cuiabá e pré-candidato a deputado estadual, Niuam Ribeiro, o líder do PSD no Araguaia e também pré-candidato a deputado estadual, Eduardo Moura e o secretário-geral do partido em Mato Grosso, Stephano do Carmo. (Com assessoria)




0 Comentários



    Ainda não há comentários.