• Cuiabá, 22 de Outrubro - 00:00:00

Comércio e Serviço lideram contratações em Mato Grosso


Da Redação - FocoCidade

Mato Grosso ocupa a 4ª posição no ranking dos estados que mais geraram empregos com 15.985 novos postos de trabalho, ficando atrás de Santa Catarina (29.441 novas vagas), Goiás (25.370 postos) e Minas Gerais (24.296 vagas).

O setor do comércio de bens e de serviços foi o líder na criação de empregos formais em Mato Grosso no ano de 2017, com 7.631 novas vagas.

Os dados são do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged/MTE). Dentre os setores da atividade econômica, a maioria fechou o exercício com saldo positivo, com destaque para o comércio e serviços, que juntos, somaram 7.631 novas vagas. O saldo representa 47,73% do total de empregos criados no ano passado, superando o agronegócio que somou 4.292 empregos formais (26,85%).

O presidente da Fecomércio-MT, Hermes Martins da Cunha, enfatizou que o comércio tradicionalmente é o que mais emprega em Mato Grosso. “A crise econômica dos dois últimos anos foi intensa e fez com que muitas empresas demitissem parte de seus funcionários, e algumas até mesmo fecharam as portas. A partir do segundo semestre de 2017, a economia começou a dar sinais de recuperação, e aos poucos, os empresários do comércio foram se reestruturando e realizando novas contratações”, disse.

Mais do que a posição de destaque no ranking nacional, o saldo colocou fim a dois anos de resultados negativos, contabilizados de forma consecutiva em 2016 e em 2015, quando Mato Grosso demitiu mais funcionários do que contratou, totalizando um saldo negativo de 17.990 e 14.941 vagas, respectivamente.

Hermes acredita na total recuperação da economia e espera resultados ainda melhores para esse ano. “Ainda não podemos dizer que estamos no azul, mas temos grandes expectativas para 2018, como novas empresas abrindo, e novas contratações sendo feitas”, concluiu. (Com assessoria)