• Cuiabá, 27 de Maio - 00:00:00

Várzea Grande anuncia aumento à Educação e lança pacote de obras


Da Redação - FocoCidade

A prefeitura de Várzea Grande anunciou nesta quinta-feira (8) a ampliação da sua capacidade de investimentos, principalmente, nas áreas da Educação e Saúde. A prefeita Lucimar Sacre de Campos assinou ordens de serviços no valor global de R$ 20 milhões que serão investidos nestes dois setores.

Mais quatro Centros Municipais de Educação Infantil - CMEIS, ou as antigas creches serão construídos no município neste ano de 2018 e irão atender a demandas dos bairros Maringá I, Alameda Júlio Muller, Vila Arthur e o Residencial Novo Ipê.

Essas obras se somam a outras 11 CMEIs que tem cronograma para serem concluídas até o primeiro trimestre de 2019.

Outra obra lançada foi a reforma geral da Escola Municipal de Educação Básica (EMEB) Elias Domingos, localizada na comunidade rural de Sadia I e que vai receber reforma em toda a sua estrutura.

A gestão também anunciou que os professores e supervisores da Rede Pública Municipal de Várzea Grande irão receber correção salarial da ordem de 6,81%, nos salários. O Projeto de Lei, assinado pela prefeita Lucimar Sacre de Campos será encaminhado ainda hoje apreciação dos vereadores.

Já a Saúde será contemplada com a retomada das obras das unidades básicas - UBS dos bairros Jardim Eldorado, Aurília Salles Curvo e Jardim Maringá I.

O planejamento da área de saúde aponta que ainda em 2018, sete novas Unidades Básicas de Saúde - UBS serão entregues para começarem a funcionar ao longo do próximo ano.

“Fico extremamente satisfeita em ver que apesar da crise econômica que o Brasil, Estados e Municípios passam, temos conseguido manter nossos compromissos e principalmente atender a demanda da população e da cidade. Não existe milagre e não sobra recursos públicos em Várzea Grande, o que estamos fazendo é tratando com transparência e eficiência os recursos para que eles promovam os serviços essenciais em prol da população”, disse a prefeita Lucimar Campos.

A gestora lembra que as localidades que irão receber esses empreendimentos são importantes porque têm uma demanda identificada, tantos nos setores de educação quanto de saúde, e são também regiões que concentram uma vasta população, que necessitam de amparo e uma maior prestação no atendimento.

Estas são as primeiras obras e ações de um pacote de R$ 70 milhões que foram anunciamos recentemente e que visam atender a demanda da população por serviços públicos de qualidade, e isso se deve a correta e transparente aplicação dos recursos públicos.

“Com certeza teremos dias promissores em 2018 para Várzea Grande, para sua população, em termos de serviços prestados e benefícios e, para o funcionalismo público que faz parte desta família chamada Várzea Grande. Vamos seguir em frente e demonstrar que estamos mudando para melhorar ainda mais a nossa cidade, com planejamento, ações, e principalmente, no controle e rigor nos investimentos”, assegurou o secretário de Assuntos Estratégicos, Jayme Veríssimo de Campos.   

O secretário de Educação, Cultura, Esporte e Lazer, Sílvio Fidelis, disse que o município de Várzea Grande vem ano a ano, elevando o seu Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (IDEB), e isso se deve as inúmeras melhorias que o setor tem recebido, por isso mesmo, a avaliação não poderia ser melhor. “Com a integração e melhoria do ensino, desde a infância, acredita-se que o estudante da rede pública municipal em pouco tempo estará muito mais preparado” avaliou.   

No que concerne às obras de construção e a reforma de unidades escolares, bem como o total de alunos atendidos, o secretário relata que desde 2015 quando a prefeita Lucimar Sacre de Campos assumiu a gestão municipal, foram implementadas diversas obras no setor com a reforma ou construção de 10 Escolas Municipais de Educação Básica e quatro quadras poliesportivas.

“Essas melhorias, comprovam a preocupação e a responsabilidade que esta gestão tem em melhorar a qualidade do ensino, sem esquecer do reconhecimento e respeito a todos os servidores que compõem a pasta”, comemorou Silvio Fidelis.    

O secretário de Saúde, Diógenes Marcondes, disse que este conjunto de três obras que serão realizadas no setor, faz parte de um bloco recém-lançado que prevê a retomada e conclusão de 07 Unidades Básicas de Saúde – UBS que Várzea Grande conseguiu regularizar depois de Tomada de Contas Especial, determinada pelo Tribunal de Contas de Mato Grosso – TCE e Controladoria Geral da União – CGU.

“Eram 15 unidades lançadas na gestão passada e que foram paralisadas por uma série de irregularidades. Em mais de dois anos de paralisação, conseguimos reverter perdas, inaugurar a UBS São Simão/Ouro Verde e Colinas Verdejantes e queremos entregar até 2019, sete destas unidades e mais a UPA do Grande Cristo Rei que está em obras”, disse o secretário, apontando que o município tem chances de reverter parte dos recursos devolvidos ao Ministério da Saúde para sanar os problemas deixados pela gestão anterior.

UNIFORMES: Durante a solenidade de assinatura das ordens de serviços, a prefeita Lucimar Campos fez ainda a entrega de 100 mil uniformes contendo camisetas, short-saia, bermudas e calças que atenderão a todos os alunos matriculados da Rede Pública Municipal. As peças foram adquiridas com recursos próprios.

Eva de Paula Vieira Souza, presidente do Conselho Municipal de Educação e também diretora do Centro Municipal de Educação Infantil (CMEI) ‘Miguelina de Santos Silva’, foi uma das que recebeu das mãos da prefeita Lucimar, o Kit escolar. “Estou muito feliz porque a Educação da Rede Pública Municipal tem contrariado a realidade econômica de muitos municípios brasileiros e, o mais importante, tem conseguido avançar. Os investimentos no setor têm nos motivados a fazer mais e melhor pela educação. A prefeita também tem mostrado que com gerenciamento e investimentos a educação de Várzea Grande vai continuar contabilizando sucesso em todos os setores”.     

O uniforme é a forma correta de identificar o aluno, dentro e fora da escola, além de garantir a sua permanência na unidade, como também uma economia no orçamento dos pais. “Vamos manter outros investimentos na Educação, como alimentação de qualidade, capacitação de professores, valorização profissional dentre outras melhorias”, concluiu a prefeita. (Com assessoria)




0 Comentários



    Ainda não há comentários.