• Cuiabá, 23 de Abril - 00:00:00

REAÇÃO DO MP


A prisão do ex-secretário de Estado de Educação, Permínio Pinto (PSDB), um dia após o governador Pedro Taques, também tucano, responder ao Ministério Público, via imprensa, que é do Executivo a competência de analisar veto à matérias aprovadas pela Assembleia Legislativa, no mínimo chama a atenção. O MP questiona dois projetos aprovados pelo Legislativo, de números 19 e 22, relacionados à área ambiental, que aos olhos dos promotores seriam inconstitucionais. O MP pede ao govenro veto aos projetos...




0 Comentários



    Ainda não há comentários.